Reencontro

by Rubiana Souza 31. maio 2015 13:00

Livro: O Silêncio das montanhas.

Partes 6 a 9

# Este post pode conter spoilers #

Pari se casou, teve 2 filhos e uma filha e ficou viúva aos 48 anos. Ela sempre se achou muito diferente de sua mãe e sempre perguntou sobre sua infância, seu passado, mas nunca teve respostas até que recebeu notícias vindas de um amigo de seu tio Nabi, um vizinho de Cabul. Abdullah teve uma filha e lhe deu o nome de Pari, como a irmã. Abdullah já está idoso, viúvo e  tendo uma certa dificuldade em reconhecer as pessoas, mas mesmo assim, sua filha Pari, traz sua irmã, também Pari para reencontrar seu irmão. Sua mãe lhe contou sobre sua tia antes de falecer de câncer. São 58 anos que os separam. Ele começa a cantar uma música de ninar que cantava pra ela quando criança e ela completa o verso. Pari explica que após o contato de Markos, o vizinho de Nabi, ela foi até Cabul e depois a Shadbagh, onde morou quando criança com seus verdadeiros país e Abdullah. Com o tempo Abdullah vai para uma casa de repouso, onde é muito bem cuidado. Pari, sua filha, vai até Paris conhecer toda a família e leva junto um pacote que ela havia encontrado em casa com os dizeres: "Para minha irmã, Pari", era uma lata com penas que Abdullah guardava para a irmã desde que eles ainda estavam juntos.

Tags: , , , , , ,

O silêncio das montanhas

Os comentários estão fechados

Objetivo do Blog

Alguns podem pensar que esse é um site pra quem não quer ler os livros aqui descritos. Bem, a decisão de se você irá lê-los ou não é sua, claro. A minha intenção é justamente aguçar a vontade do leitor, fazer ele ficar tão desejoso de saber mais que acabe lendo. Quero também expor minha opinião, críticas e saber o que vocês pensam a respeito do que estão lendo. Que essa seja mais uma ferramenta  para os apaixonados por livros como eu! Boa diversão para nós!

Sobre mim

Facebook

Conecte-se comigo

Aumente seu vocabulário (palavras tiradas dos livros postados)

"Andrajoso = esfarrapado"
Noite sobre as águas

Frases Marcantes

"
Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas."
O Pequeno Príncipe

Livros

http://www.google.com/analytics/