Sal

by Rubiana Souza 2. outubro 2016 21:11

Uma ilha, um farol e uma família com muitas histórias. Personagens com suas peculiaridades, uns que nos faz amá-los e outros detesta-los. Essa autora nacional, de Porto Alegre, cativa seus leitores com essa obra suave e de linguagem poética.

Dona Alba era a matriarca da família e junto de seu marido cuidavam do Farol.Ela parecia ser bem exigente (na verdade era ruim mesmo) com os empregados mas isso não impediu que o amor surgisse entre seu filho Ivan e Cecília a empregada. Cecília e Ivan tiveram seis filhos , dentre eles Julieta, que tem algum tipo de deficiência. Dona morre e Ernest que era um empregado mas que estava mais para um pai de Ivan também. Flora, uma das filhas, era a apaixonada pelos livros e logo decidiu escrever um. Esse livro foi parar na mão de Julius, em Londres, e tanto foi o seu interesse pela leitura que ele decidiu ir até ela. A visita de Julis à ilha despertou algumas paixões, dentre elas na própria Flora mas Julius teve sua atenção desviada para outra pessoa, uma pessoa que Flora conhecia muito bem. Tiberius, o filho caçula, também saiu da ilha para procurar por um de seus irmãos mas depois de certo tempo voltou com novidades. Uma família grande com suas alegrias e tristezas, o tempo passando e a história de cada um sendo escrita como em um livro mas assim como em um livro nem sempre os finais são felizes.

Conclusão: 3 estrelas (bom)

Essa leitura me passou muita paz, serenidade. Ele é escrito de forma poética, inclusive com algumas palavras pouco usadas nos dias de hoje e sempre citando escritores clássicos. Longe de parecer uma leitura chata só achei diferente do que estou acostumada a ler. Só soube que se tratava de uma escritora nacional ao começar a leitura, quando comprei não percebi e por isso acho ainda mais válida a leitura. Vamos prestigiar nossos autores.

Tags: ,

Sal

Os comentários estão fechados

Objetivo do Blog

Alguns podem pensar que esse é um site pra quem não quer ler os livros aqui descritos. Bem, a decisão de se você irá lê-los ou não é sua, claro. A minha intenção é justamente aguçar a vontade do leitor, fazer ele ficar tão desejoso de saber mais que acabe lendo. Quero também expor minha opinião, críticas e saber o que vocês pensam a respeito do que estão lendo. Que essa seja mais uma ferramenta  para os apaixonados por livros como eu! Boa diversão para nós!

Sobre mim

Facebook

Conecte-se comigo

Aumente seu vocabulário (palavras tiradas dos livros postados)

"Bruxuleante = oscilante"
Como falar com um viúvo

Frases Marcantes

"
Os psicopatas não vão ao trabalho, vão a caça.
"
Mentes Perigosas - o inimigo mora ao lado

Livros

http://www.google.com/analytics/